banner_header

Foi esta semana que se concluiu mais uma fase regular da Worten Game Ring Master League Portugal by ASUS, a quarta edição da liga foi a mais competitiva da  história, a duas jornadas do fim ainda estavam dois lugares na fase final por decidir, algo que nunca tinha acontecido na história da competição.

Depois da equipa da FTW ter garantido a sua presença na fase final graças ao deslize dos eXploit frente aos EGN, chegamos à derradeira jornada da fase regular com a equipa de Fábio “BuJ” Ferreira ainda na luta pela última vaga que iria ser decidida no último jogo da fase regular justamente contra os seus concorrentes directos, os Galatics.

A Última jornada arrancou com a partida entre os Giants e a For the Win, duas equipas que já tinham o seu lugar garantido na fase final da liga e que em termos classificativos dava apenas a hipótese à equipa capitaneada por Daniel “NABOWOW” Brito de conseguir garantir o terceiro lugar na fase regular, mas para isso era preciso conseguir roubar pontos aos Giants, feito apenas conseguido pela equipa dos OFFSET. Os mapas escolhidos para a partida foram Train e Dust2, mapas que já começam a ser habituais no portefólio da equipa da fénix, no entanto, algo que se tem vindo a tornar evidente ao longo da competição é a diversificação da map pool da equipa dos Giants com Overpass e Mirage a serem os únicos mapas que nunca foram disputados pela equipa de Ricardo “fox” Pacheco ao longo de toda  a fase regular da liga. A partida acabou por não ter grande história, 16-4 em Train e 16-6 a favor dos Giants foram os resultados da partida com a equipa da For the Win a ter uma queda qualitativa possivelmente associada à época de exames universitários que dois jogadores atravessam nesta fase do ano o que pode limitar os treinos da equipa. Os Giants fecharam assim a sua fase regular da liga derrotados em apenas um mapa, enquanto que a FTW terá de se contentar com o quarto lugar.

O segundo jogo da jornada colocou frente a frente as equipas dos Grow uP e GTZ Bulls numa partida que à primeira vista parecia que já não tinha qualquer influência para as contas finais da competição. No entanto, caso a equipa de Bruno “shellzy” Teixeira saísse derrotada desta partida poderia ficar em risco de ser relegada para o qualificador fechado da próxima edição da liga, isto claro, caso a equipa conseguisse pelo menos quatro pontos no seu jogo frente aos OFFSET. Os mapas escolhidos para a partida foram Overpass  e Dust2. Visto de fora, tudo indicava que os GTZ eram claros favoritos para a partida, mas, depois de anunciar a sua retirada do CS competitivo, Francisco “emp” Vaz deixou os touros sem capitão o que deixava claras dúvidas quanto à forma com que a agora sua ex-equipa iria surgir no servidor. E a surpresa acabou por surgir mesmo, os Grow uP venceram mesmo a partida por 2-0 com os parciais de 16-9 em Dust2 e 16-14 em Dust2. Os GTZ Bulls com Filipe “wrecky” Martins em palco demonstraram o pior Counter Strike demonstrado pela tag dos GTZ no último ano com debilidades graves tanto a nível táctico como mecânico ficando aqui a clara necessidade urgente da equipa de José “MISK” Rangel reestruturar a filosofia táctica da equipa de forma a que possam regressar aos resultados a que nos habituaram.

Depois da habitual pausa de um dia na jornada, chegou então a altura de fechar a fase regular da quarta edição da Worten Game Ring Master League Portugal by ASUS, a segunda parte da sétima jornada iniciou-se com a partida entre as equipas dos OFFSET e EGN, jogo que para a equipa de Renato “stadodo” Gonçalves já não contava para absolutamente nada, mas que para os EGN era uma partida de extrema importância tendo em conta que com 4 pontos a equipa de Bernardo “gotah” Amorim poderia ultrapassar os GTZ Bulls na classificação e assim evitar a obrigação de lutar pela sua vaga na liga no qualificador fechado da próxima edição. Os mapas escolhidos para a partida foram Dust2 e Train, dois mapas onde a equipa dos OFFSET já é conhecida por ser uma das mais perigosas no cenário português. E de facto foi mesmo a equipa dos OFFSET que conquistou a vitória na partida ao vencer em Dust2 com facilidade por 16-2, já em Train os EGN ainda tentaram conseguir os pontos de honra mas acabou por não ser suficiente com a equipa de Rui “RIZZZ” Lima a arrancar a vitória pela margem mínima fixando o resultado em 16-14. A equipa dos EGN viu-se assim relegada para o qualificador fechado da próxima edição da liga onde terá de voltar a lutar pela sua vaga na competição juntamente com a já relegada equipa dos Grow uP.

Logo de seguida foi disputado aquele que seria provavelmente um dos jogos mais importantes de toda a fase regular da liga e quis o destino que fosse mesmo o último jogo da mesma, eXploit contra Galatics, as duas equipas que lutavam pela última vaga disponível na fase final da liga. A equipa dos Galatics tinha a vida mais facilitada precisando apenas de vencer um mapa sem overtime enquanto que os eXploit precisavam obrigatoriamente de pelo menos quatro pontos para conseguir conquistar o apuramento, os mapas escolhidos para a partida foram Vertigo e Dust2, dois mapas onde já vem a ser habitual ambas as equipas disputarem as suas partidas com vitórias para ambos os lados. Desde cedo tornou-se evidente que a equipa de FIlipe “NOPEEj” Dias estava mais do que preparada para lutar pelo apuramento ao vencer a partida por 2-0 com os resultados de 16-8 em Vertigo e 16-6 em Dust2 um resultado conquistado com relativa tranquilidade que acabou por evidenciar o decréscimo vertiginoso de forma que a equipa dos Galatics sofreu na segunda metade da fase regular da liga o que acabou por empurrá-los para o o quinto lugar da classificação que apesar de garantir a presença da equipa na próxima edição da liga, afasta a mesma da disputa pelo título de campeão da XL Games World.

Vodafone Giants, OFFSET, eXploit e For the Win serão as quatro equipas que estarão presentes na Altice Arena entre os dias 14 e 17 de Novembro para lutar pelo derradeiro título de campeão da Worten Game Ring Master League Portugal by ASUS. Uma final four que promete, por isso se ainda não compraste o teu bilhete, aproveita e fá-lo o quanto antes! 

João “Coontag” Braga

Leave a Reply

%d bloggers like this: